terça-feira, 27 de maio de 2008

Células-tronco

Estou torcendo para a liberação da pesquisa com as células-tronco. Muito me decepcionou a postura retrógrada de Ives Gandra, um cara que eu sempre admirei.
É aquela velha história: se ele tivesse um caso de doença na família cuja única esperança fosse a cura com células-tronco embrionárias, duvido que seria contra.
Quanto atraso!!

3 comentários:

Jornalista Azarado disse...

Assino embaixo Paula! Estou na torcida para que permitam essas pesquisas em células tronco. Muitas vidas podem ser salvas, muitos novos horizontes e esperanças dadas... Espero que saia essa liberação... Mas pode ter certeza, será uma guerra para conseguir realizar essas experiências...

Jun Takahashi disse...

Paulinha, vamos por partes.
Células-tronco: sou RADICALMENTE a FAVOR de pesquisas e utilização de células-tronco, pois só assim essa tecnologia trará algum benefício para a humanidade.

os contras: são pessoas que se baseiam na RELIGIÃO, em geral, para falar sobre o assunto. Normalmente são os mesmos que são contra o aborto, a eutanásia, em alguns casos, os mesmos que são contra métodos anti-conceptivos.

Ives Gandra: Se me fizessem as perguntas baseado na realidade legal que temos, eu responderia a mesma coisa. Como jurista, ele fez o certo, que é evitar problemas.

O que temos que fazer: Mudar a legislação.

Beijos

Paula Calloni disse...

Se eu fosse jurista e me fizessem a mesma pergunta, eu ficaria quietinha no meu canto. rsrsrs.

Por um olhar mais atento aos pequenos detalhes da vida