quarta-feira, 4 de novembro de 2009

Uniban: exibicionismo X selvageria

As fotos anteriores da garota não mentem: Geisy Arruda, que apareceu em tudo quanto foi canal na semana passada por ter ido com vestido curto à faculdade é mesmo exibicionista.Essa história de definição do que é democracia sempre é uma questão delicada no Brasil. Mais de 20 depois do regime militar, as pessoas ainda se confundem e acham que democracia é fazer o que se quer, na hora em que se quer e do jeito que se quer.
Acredito que, no caso da Uniban, os dois lados agiram errado. A estudante por ter ido à faculdade com vestido e atitude provocantes e os colegas por terem exagerado nas manifestações. Que para mim foram muito mais de indignação do que de excitação sexual. De qualquer forma, atitudes inaceitáveis para gente que está numa faculdade e que deveria ter um grau de inteligência acima da média.
Acredito que a maioria dos que estavam alí queriam protestar pela ousadia da moça, mas erraram a mão. Ultrapassaram a esfera do direito de livre manifestação, partindo para a ofensa, a difamação e a falta de respeito à dignidade humana de Geisy.
Esta, por sua vez, disse à imprensa que horas antes, indo para a faculdade, não sofreu nenhum desrespeito na rua. Bom, isso é o que ELA conta, né gente? Eu acho impossível sair à rua com roupas mínimas e não ouvir nem um "fiu-fiu" inocente.
De modo geral, acho que algumas mulheres se vestem mesmo inadequadamente, como se estivessem numa praia. Na verdade já vi vestidos e shorts mais curtos, com blusas de alcinha, em consultórios médicos, igrejas, bancos e outros ambientes públicos.
Não se trata de ser careta. Se trata de respeitar locais onde não estaremos sozinhos e sim cercados de outras pessoas, estranhas, com hábitos diferentes e modos diferentes de pensar. Se buscamos tanto o respeito à diversidade, poderíamos começar por aí. Nesse caso, manifestar respeito a quem está do lado implica em evitar extremos. É preciso entender o contexto das coisas e adaptar-se a isso. Eis a inteligência e a perspicácia para viver pacificamente em sociedade.
Há também o maldito culto à celebridade, ao querer ser famoso e aparecer a qualquer custo. Isso já está virando doença, coisa patológica, não acham???
Geisy Arruda tinha o direito de ir com micro-vestido à faculdade? Tinha. Mas os colegas tinham o direito de achar aquilo inadequado? Tinham também.
Ocorre que nem sempre o que é de direito, é recomendável. E o episódio com certeza serviu pra abrir o debate sobre o que é democracia de um país desenvolvido.
Que é o que pretendemos ser. Espero.

2 comentários:

PATRICIA disse...

Para quem convive em ambiente universitario... nem dá pra "chocar"...
Diariamente me pergunto: pq essas pessoas estão vindo até aqui, pagando mensalidade se na verdade não querem nada com nada???
Julgar???
Quem sou eu...
Agora pessoalmente acredito que a roupa não tinha nada de mais, nem de menos para a aluna...
Era sim uma menina bonita, arrumada pois tinha uma festa após a aula... seu comportamento não cabe ser julgado por ninguém... se pode adentrar a universidade é pq não havia problema nenhum...
Hipocresia pura!!!
Cris Flores do Hoje em Dia da Record querendo falar de sua roupa... como se ela tivesse provocado... então teriam as pessoas os mesmos direitos com relação as roupas usadas por Ana, sua colega de trabalho???
Fácil estar sentada no sofá julgando e apontando o dedo, não é???
E o carnaval???
Pára com isso...
Pra ficar fora da sala de aula, vale até isso tudo!!!
Ninguém mandou ter um vestibular tão bom que se vc derrubar o RG na porta da universidade vc já recebe o boleto de matricula...
POBRE PAÍS...

O Jornalista disse...

Grande post Paula!! Mais um caso que mostra o quanto as pessoas ainda têm que evoluir, com um episódio onde não há santos e sobra exageros...

Uma escolha imprópria e uma reação conjunta descabida pode resumir bem esse fato lamentável...

Por que não há manifestações desse tipo contra os mensalões? Contra os nepotistas, pedófilos, estupradores? Por que todo esse barulho em torno de um micro vestido e total desprezo ao desvio de milhões de reais?

A sociedade brasileira é realmente muito atrasada quando falamos em cidadania...

Por um olhar mais atento aos pequenos detalhes da vida