quarta-feira, 7 de abril de 2010

Cabral não descobriu o Brasil, descobriu o PAC

Que coisa ridícula, pra não dizer perversa e imoral, o governador Sergio Cabral ontem, durante a cobertura da imprensa, exaltando as obras do PAC, enquanto eram mostradas imagens de deslizamentos e o povo retirando os escombros de casas debaixo da lama.
Essa gente não tem que morar em morro. Não há planejamento nas cidades em geral.
E agora o PAC, com 6% de "obras" entregues, foi a salvação da lavoura? Já não bastou a choradinha com lágrimas de crocodilo, seu Cabral? Não bastou o porre do Carnaval?
Pobre Rio das futuras Olimpíadas.Se continuar assim, vamos morrer de vergonha em praça pública, na rede mundial de TV, rádio, Internet e etc etc.

Um comentário:

André disse...

Se eu adicionar uma vírgula ao que está escrito, será pura vaidade minha, pois está TUDO dito.

Por um olhar mais atento aos pequenos detalhes da vida