quinta-feira, 26 de julho de 2012

Ei, psiu...preste atenção à sua volta...


Ela entrou no ônibus e o único lugar vago era o do lado de um rapaz, 23 anos, se tanto, falando ao celular. Tinha sido ensinada que não se escuta conversa alheia, ainda que pelo telefone; e ainda que em alto e bom som, pra todo mundo ouvir.
Aos poucos, descobriu que o moço tinha acabado de chegar de Criciúma - SC. Que tentava a vida na cidade grande, como cabeleireiro. E que conversava com o irmão,  ainda  na cidade natal, querendo vir para São Paulo e ser lutador de MMA.
E ela tinha seu  melhor amigo, indeciso...também querendo ser cabeleireiro. E os braços dela doíam, por causa da aula de kickboxing na noite anterior.
Pensou, não sem culpa, afinal, ouvia, sem querer,  aquela conversa do moço do lado. Pensou consigo:  “Puxa, a gente podia trocar umas boas idéias.”. Porque São Paulo ainda tem dessas coisas. Amizades improváveis acontecem. Gente que quer ajudar. E só.
Enquanto pensava nisso, o moço parou a conversa e olhou para ela:
- Com licença, o ponto final tá chegando?
- Ah, sim, daqui uns cinco minutos.
E ele voltou pro papo do celular.Incentivava o irmão. “Venha pra cá, tento achar uma boa academia pra você e quem sabe tu não entras em contato com o Anderson Silva!”
E a moça lembrando que o professor de kickboxing dela era amigo do Anderson.
Chegaram ao metrô. Ele entrou num vagão, ainda falando no celular. Ela entrou em outro, triste,  sem ter tido chance de puxar papo.
E evaporou no ar, a ocasião para o que podia ser  amizade...e quantas chances podemos estar perdendo. Observar mais em volta...ouvir, discretamente,  as histórias alheias.  Nunca se sabe onde, nem como, as portas vão se abrir.
 Porque  uma mão – ainda – lava  a outra. E porque a vida tece os fios do destino...mas , o carretel  onde o fio corre, é a gente que constrói.
 São Paulo, ainda, das gentes que chegam...São Paulo, ainda, da boa acolhida. De potenciais amizades desinteressadas...do sol nascendo teimoso, entre os espigões.

Nenhum comentário:

Por um olhar mais atento aos pequenos detalhes da vida